nasceu um blog irmão!

São Tomé e Príncipe, o mais pequeno país de África, acolhe quatro populações reprodutoras de tartarugas marinhas: Chelonia mydas, Lepidochelys olivacea, Eretmochelys imbricata e Dermochelys coriacea. Em linguagem local diz-se mão branca, tàtô, sada e ambulância!

Embora o país seja já signatário da CITES, não há legislação nacional a proteger as tartarugas marinhas. As suas populações decrescem de ano para ano e o risco de extirpação, a breve prazo, em especial da Lepidochelys olivacea e da Eretmochelys imbricata é real! Mas há alguma esperança, porque dentro e fora do país há já quem queira ver esta tendência inverter-se…

Por isso, está-se a começar uma nova tentativa para contribuir no esforço de recuperação desta situação lamentável. O novo blog TARTARUGAS EM SÃO TOMÉ E PRÍNCIPE é, assim, uma forma de ir divulgando esta faceta desta realidade e, também, relatar os resultados que forem sendo alcançados!

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: